Exit

Na vida espiritual existe uma ordem estruturada em o que podemos chamar de “linhagens”. Em qual você se encontra? Só você poderá responder…

Deus quer dar aos filhos LEGÍTIMOS de Abraão, por meio da fé, uma vida paradisíaca. Mas, não pense que relativamente aos filhos de Abraão apenas existem os Legítimos e os ilegítimos, pois, no que se refere aos mesmos, podemos ver que existem 3 linhagens:

  1. Os abençoados que vêm de Isaque, do Altar, da Fé Sacrificial, que são as estrelas do céu, sempre por cima e nunca por baixo. Estes estão perto dos Céus, onde habita o Senhor, sempre refletindo a Grandeza de Deus, estando sobretudo salvos de todo o mal, das doenças, dos vícios, dos problemas… entre tantas outras coisas. Pense comigo, qual o problema daqui debaixo que atinge as estrelas do céus? Nenhum!
  2. Existem os agraciados com os “presentes”, que são os “filhos das concubinas”, são apenas isso porque não têm nome, história ou testemunhos… Foram salvos? Estão com Deus? Não! Enfim, são os “filhos das concubinas”, aqueles que usam a fé somente para superar problemas e conquistar as bênçãos físicas, na saúde, vida sentimental, económica e familiar.
  3. Em terceiro lugar, existem os “filhos da escrava” que, como diz a Bíblia, herdou muito sofrimento. Estes são como a areia da mar, sempre pisados, problemáticos, sofredores, fanáticos, doentes, miseráveis, enfim… constantemente escravizados pelos sentimentos, problemas, circunstâncias, fraquezas… e sendo pisados-humilhados pelos homens.

A própria Palavra de Deus anunciou:

“Ele será como jumento selvagem; sua mão será contra todos, e a mão de todos contra ele, e ele viverá em hostilidade contra todos os seus irmãos” (Gn 16.12)

A sua linhagem não foi previamente escolhida ou imposta por terceiros, muito pelo contrário, pois hoje, nós temos a chance de escolher com as nossas atitudes a que linhagem da descendência de Abraão iremos pertencer. Se vamos trilhar o (1) caminho do Altar para sermos as estrelas (Livres, Abençoados e Salvos); o (2) caminho do anonimato e não sermos ninguém (Termos apenas conquistas…); ou ainda trilhar o (3) caminho da incredulidade para sermos pisados (Escravizados…).

Cada um faça a sua escolha!
Eu já fiz a minha.

Deus é contigo, e eu também!

Bjf

Deixa o seu comentário

5 comentários

  1. Comment by Vanessa dos santos

    Vanessa dos santos Responder 31 de Maio 2017 as 19:23

    Boa Tarde Bispo,é tão fácil entender seus textos,eles se encaixam em seus devidos lugares quando eu leio!Muito obrigado pela suas orientações usado pelo Espírito Santo.

  2. Comment by Vagner

    Vagner Responder 31 de Maio 2017 as 14:48

    realmente Sr Bispo, a uma delas todos os dias nossas atitudes têm escolhido.

  3. Comment by Clayton Silva

    Clayton Silva Responder 30 de Maio 2017 as 22:05

    Olá, bispo Júlio.

    Certamente também já fiz a minha, o caminho do Altar que com certeza nos conduz a vida eterna.
    Fico agradecido.
    Saudações!

  4. Comment by Thiago Araújo

    Thiago Araújo Responder 30 de Maio 2017 as 05:22

    Podemos comparar isso a uns dos sete espíritos que a Bíblia cita em apocalipse ou seja os tipos de pessoas até mesmo dentro da universal , muito bacana bispo , Deus o abençoe !

  5. Comment by valeria

    valeria Responder 29 de Maio 2017 as 17:20

    Fortíssimo!

Close
Go top