Mensagens

A lei da guerra segundo Deus (parte 2)

27 de Novembro 2019

A lei da guerra segundo Deus (parte 2)

A lei da guerra, segundo Deus, é completamente diferente da lei dos homens. Segundo Deus, não bastava estar fisicamente apto, na verdade, para se vencer a guerra, importava estar psicologicamente 100% resolvido

5. Os oficiais falarão ao povo, dizendo: Qual o homem que edificou casa nova e ainda não a consagrou? Vá, torne-se para casa, para que não morra na peleja, e outrem a consagre.”

11º Exigência para vencer uma guerra: Não se pode estar preocupado em perder o novo que se construiu ou o usado que se conquistou… (Edificou casa nova e ainda não a consagrou…);

6. Qual o homem que plantou uma vinha e ainda não a desfrutou? Vá, torne-se para casa, para que não morra na peleja, e outrem a desfrute.”

12º Exigência para vencer uma guerra: Não se pode ir à peleja contra os inimigos pensando na plantação que não se colheu, com a preocupação de que outro colherá e desfrutará da mesma (Ainda não a desfrutou…);

7. Qual o homem que está desposado com alguma mulher e ainda não a recebeu? Vá, torne-se para casa, para que não morra na peleja, e outro homem a receba.”

13º Exigência para vencer uma guerra: Não vá para a guerra se casou e ainda não foi de lua de mel, ficando, assim, preocupado. Pois, se morrer, outro homem receberá a viúva como esposa (Desposado com alguma mulher e ainda não a recebeu…);

8. E continuarão os oficiais a falar ao povo, dizendo: Qual o homem medroso e de coração tímido? Vá, torne-se para casa, para que o coração de seus irmãos se não derreta como o seu coração.”

14º Exigência para vencer uma guerra: Não poderá ser medroso assumido e nem tímido. (O homem medroso e de coração tímido…);

15º Exigência para vencer uma guerra: Não se deverá deixar nenhum soldado com estas deficiências ir para a peleja-batalha, porque faria ‘derreter’ o coração dos seus irmãos, como já estava o dos próprios. (Não derreta como o seu coração…);

Então, não fica quase ninguém?! É verdade, mas, os poucos que ficavam, obtinham a vitória e a insígnia de honra de soldados do Deus-Vivo. E os demais? Esses ficavam com a má fama de medrosos, egoístas, materialistas, tímidos, fracos… igualmente, para o resto das suas vidas!

Leia também:
A lei da guerra segundo Deus (parte 1)

Te vejo na IURD, ou nas Nuvens!
Bjf


21 comments
  1. Quem somos, por mais que queiramos esconder, é sempre revelado através de nossas atitudes. Então, antes de sairmos à guerra - enfrentar os desafios do dia-a-dia - temos que ter nossa relação com Deus bem definida, para que ele se reflita em nosso exterior, e a vitória será certa.

  2. Vânia - Miratejo

    Olá boa noite. Existe uma lei, e se essa lei não for posta em prática, então teremos de ficar para trás, mas se nós não queremos isso, temos que obedecer !

  3. José Varela - Miratejo Portugal

    De facto só os corajosos chegam ao fim e saboreiam a vitória, já os tímidos, ficam só imaginando a vitória, bispo,este desafio de nós desafiarmos a nós mesmo é uma oportunidade única,Deus está chamando todos e já separando os que realmente vão ficar para a peleja...

  4. Clayton Silva C.V

    Boa noite Bispo Júlio. Podemos vê que: Numa guerra nunca envolve o sentimentos II Timóteo 2:4 Nenhum soldado em serviço ( em guerra) se envolve em negócios ( sentimentos ) desta vida, porque o seu objetivo é satisfazer àquele que o arregimentou. Pois quando há sentimento não satisfazemos a vontade do Altor da vida e sim a da natureza humana (criatura ) porém sem sentimentos vivemos na revolta, na fé,na coragem, 100Medo de agradar seja lá quem for nem mesmo a nós. E fazemos o que tem que ser feito e deixamos de fazer o que tem que se deixar. Fico agradecido bispo.

  5. Micael Ferreira - FJE Alcobaça

    Boa noite Bispo, de facto são bons concelhos e excelentes ensinamentos, muito obrigado por esse esclarecimento. Devemos de agir com forme Deus nos ensina, pois só assim conseguimos alcançar todo o que nós desejamos. Muito obrigado, Deus abençoe e até uma próxima.

  6. Beatriz Ramos FJE Alcobaça

    Sim são bons conselhos para nos combatermos todos os nossos problemas

  7. Jorge Silva - Madeira

    Todo exército precisa de soldados disciplinados e dispostos ao combate, mas o exército do Deus vivo vai além disso, pois não representamos uma pátria, mas o próprio Deus, como o Bispo Júlio sempre diz: "Somos como o Sr.Jesus encarnado na Terra" ... Usemos as armas do bom combate e coma consciência de estarmos dentros das leis da Guerra , para prevalecermos sempre !!!

  8. Alexandre Oliveira - Faial- Açores

    Boa Tarde Bispo, isto é a mais pura verdade, os pouco que restam são os valentes, destemidos e revoltados que por suas opções em dependerem de Deus, acabam por ter suas vidas 100% resolvida e tudo entregue a Ele , passam a obter as vitorias e conquistas, resultado da extrema confiança e entrega.

  9. Susane Nascimento - Brasil

    Muito forte Bispo, a palavra de Deus é perfeita, e essas instruções para estar apto a uma batalha e/ou guerra é o que precisamos somado a DECISÃO para vencermos.

  10. João Martins - FJE Machico

    Olá bispo, Quando entramos numa guerra não podemos nos preocupar com o que ficou para trás, temos que olhar em frente para conquistarmos os nossos objetivos, não podemos deixar sermos influenciados porque assim perderemos o foco levando ao fracasso. É por isso que eu tenho que me manter na Presença de Deus pois só assim vencerei as lutas e as guerras.

  11. Ariela Bunze

    Boa tarde Bispo, Num entra nesse Exército quem quer nem quem acha que deve entrar. Apesar de ter o nome de guerra existe uma disciplina. Um mínimo deslize é colocar tudo a perder, exige concentração máxima, e só quando há um objectivo definido se está focado no mesmo. Sem mais, AB

  12. muito forte bispo, vamos nessa fé, temos quer a nossa mente focada como Deus sem sentimentalismo !!! Deus abençoe o senhor.

  13. Tiago Neto - FJE ALCOBAÇA

    Ola bom dia, são importantes conselhos como agirmos diante dos problemas e como podemos agradar a Deus e desagradar ao diabo. Mesmo que fiquem poucos com os poucos Deus usaria e eles venceriam. Deus só precisou de 300 para vencer um exercito.

  14. Antonio Neto - FJE ALCOBAÇA

    ola bom dia, é muito interessante e é verdade, dicas valiosas.

  15. Maria de Fatima Neto - FJE ALCOBAÇA

    ola bom dia E dificil mas e verdade.

  16. Fabiana FJE Alcobaça

    Bom dia, muito importante essa mensagem. As exigências eram as mais rigorosas. Os soldados da guerra ficam alerto e focados em tudo. É assim que temos de ser, ter atenção a tudo e não ficarmos parados, para vencermos as guerras. Que Deus o abençoe.

  17. Fabiana FJE Alcobaça

    Bom dia, muito importante essa mensagem. As exigências eram as mais rigorosas. Os soldados da guerra ficam alertos e focados em tudo. É assim que temos de ser, ter atenção a tudo e não ficarmos parados, para vencermos as guerras. Que Deus o abençoe.

  18. Joana Custódio - FJE Alcobaça

    Bom dia, muito obrigada por esta mensagem, foi bastante importante. No final das contas, ficam muito poucos, mas os que ficam estão firmes e seguros em Deus, nunca se abalam. Que Deus o abençoe.

  19. Fabiana - Holanda

    Boa tarde bispo Júlio, É preciso estar concentrado. Os soldados na guerra ficam focados, alertos , observando cada passo do inimigo. Assim temos que ser, focados em resolver os problemas. Na guerra não podemos distrair, não podemos olhar para trás. Exige 100% de concentração. Obrigada bispo.

  20. Gianni Da Costa- Holanda

    Boa tarde Bispo Júlio, Nao sao as revoluçoes nem os motins que abrem a estrada para dias novos e melhores, mas a alma de alguém inspirada e em chamas= Gerreiro do Exército do Senhor dos Exércitos. Entao " Saberá toda esta multidao que o Senhor salva, nao com espada, nem com lança, porque do Senhor é a guerra"

  21. Bom dia bispo Júlio, As exigências eram as mais rigorosas, pois não se tratava de qualquer exército e sim do Exército do Senhor dos Exércitos! Somente estando 100% focados é que vencemos as guerras. Um abraço Bp e obrigado pelo post.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.