Blog Chega de lenga-lenga Mensagens

Eu sei porquê…

3 de Junho 2020

Eu sei porquê…

Talvez você esteja se perguntando: “se Deus me ama, porque estou sofrendo tantas injustiças, humilhações, miséria e sofrimentos? Seria para me provar? Por que razão Deus permite que eu sofra assim?”

— Eu sei porquê, para tirar você deste marasmo espiritual, marasmo de vidinha medíocre… para empurrá-lo para uma revolta-inteligente contra as forças malignas que estão atuantes na sua vida…

Ouça guerreiro/a, a nossa resistência ao mal é que nos vai permitir ter experiências com o Poder de Deus, e isto nos obrigará a manter comunhão com Ele para sempre.
Esse foi e é o segredo dos Heróis da fé, a exemplo dos muitos casos-verídicos nos nossos dias na Igreja Universal… 

Não esqueça disso: A sua vida depende da qualidade da sua fé, da revolta…!
— Se a sua fé for tradicional, a sua vida seguirá sem qualidade.
— Se a sua fé for revoltosa, sacrificial, a sua vida será de qualidade.

Toda a leitura convida à reflexão e as suas considerações sobre esta mensagem são muito importantes para nós. Então comente, pois, a sua visão pode ajudar a outros.

Te vejo na IURD ou nas Nuvens!
Bjf


3 comments
  1. Aline Vanessa

    É sim sr bispo, jamais se pode esquecer que somos lutadores que lutam cm todas as forças espirituais do mal, que não vem com um jeitinho amigável pra cima de nós, mas com uma revolta pois somos luz e filhos da Luz. Então se o inimigo é revoltado contra mim, tenho que ser contra ele tbm! Sem aceitar o mal que ele deseja com toda a força para eu.

  2. Maximiliano Santos

    Bom dia Bispo. Muito forte essa meditação, eu sou prova disso, passei por situações em minha vida que o próprio Deus me mostrou que aquela situação serviria para que eu saísse do marasmo espiritual, e o problema que seria para tirar a minha paz, me levou aos pés do Senhor Jesus onde pude encontrar a verdadeira paz. E sacrifico todos os dias para me manter aos pés do Senhor Jesus mantendo a minha comunhão com ele.

    • Júlio Freitas

      Os humildes aprendem e crescem, os orgulhosos resistem e desaparecem.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.