Mensagens

Os 3 tipos de reprovados

23 de Agosto 2017

Os 3 tipos de reprovados

Vou explicar, por que motivo há 3 grupos de pessoas que apresentam 3 tipos de serviço que Deus não aceita…

Eles são:

1º- Assalariado:
É aquele que serve por um salário, obedece e faz o que tem que fazer porque é pago, ou seja, para ter o seu sustento e ter as suas necessidades atendidas;

2º- Aceito:
É aquele que serve para que, em um grupo, ele venha ser aceito, ou incluído;

3º- Reconhecido:
É aquele que serve com o objetivo de aparecer, ser reconhecido como bom, visto pelos demais;

Estes três grupos são reprovados, porque são escravos!

Como devemos, então, servir ao Sumo Sacerdote – o Senhor Jesus?
Como servos Livres que somos!

“Como livres que sois, não usando, todavia, a liberdade por pretexto da malícia, mas vivendo como servos de Deus.” (1 Pedro 2.16)

O Servo aprovado é aquele que serve sem intenção de receber algo em troca, ser aceito ou reconhecido pelos outros, pois Deus se agrada do dador alegre… daquele que serve sem buscar reconhecimento das pessoas.

“Cada um contribua segundo tiver proposto no coração, não com tristeza ou por necessidade; porque Deus ama a quem dá com alegria.” (2 Coríntios 9.7)

Não importa se as pessoas veem, reconhecem ou não, o que importa é que Deus vê. E também não importa onde temos que SERVIR, devemos sim fazer tudo com toda a nossa força, na fé-consciente naquEle que nos recompensará (Galardão), pois Ele está Vendo e Voltando…

Vocês que estão frequentando as Reuniões na Igreja Universal, como vocês chegaram e como Vocês estão?

Qual era a sua:

  • Visão?
  • Espírito?
  • Fé?
  • Disposição?
  • Coragem?
  • Intenção?

Observações:

O Verdadeiro Sacerdote tem o prazer de servir a Deus, independente do lugar ou das circunstâncias, a exemplo do que Diz o Apóstolo Paulo, no texto a seguir:

“Tudo posso naquele que me fortalece.” (Filipenses 4.13)

Quando a pessoa serve como verdadeiro sacerdote, está pronta para tudo ou para qualquer situação. E não é o exterior que influencia o nosso interior, pelo contrário, é o nosso interior que influencia os que estão à nossa volta e forma outros sacerdotes.

O Sumo Sacerdote fica na expectativa de que venhamos servi-lo e ajudá-Lo como sacerdotes e não como escravos.

O escravo está preso de alguma forma, acorrentado, vive a sensação constante de um castigo, esperando alívio na carga de trabalho e procurando uma forma de fugir.

É por este motivo que precisamos sempre seguir este conselho e rever qual a nossa condição, se estamos como sacerdotes ou como escravos. Ao contrário do filho, que honra o pai com gratidão, respeito, temor e devoção. Cuidando de tudo como se fosse dele, porque, na verdade, tudo que é do Pai é do filho.

Responda para si mesmo, com toda sinceridade:

Quem você tem sido, escravo ou filho?

Espero que, de alguma forma, este pequeno texto possa ter ajudado a você a servir devidamente ao nosso Sumo Sacerdote Senhor Jesus.

Deus conta contigo, e eu também.
Te vejo na Universal ou nas Nuvens!

Bjf


9 comments
  1. Marta Maria Levita Pereira

    Muito forte!!Esse texto nos serve como um alerta em que estamos fazendo o certo ou errado prá Deus.

  2. Gibson Lopes

    Bom dia , precisamos sim de voluntariedade e zelo com a vontade de Deus e compromisso com nosso Senhor Jesus .

  3. Nane Santana

    Muito bom esse texto! Que.o Senhor nis liberte da servidão e nós venhamos o servir com a Alegris!

  4. Luciana

    Olá Bispo, Hoje depois que falei pra as crianças do Bom Samaritano. Deus falou fortemente comigo devemos fazer e ajudar outras pessoas sem espera nada em troca e antes de dormir fui ler o blog do Sr e Deus me confirmar a mesma coisa. Que maravilha ouvir a voz dele tão claramente.

  5. Vanessa dos Santos

    Muito forte esse texto que o Espírito Santo continue dando direção ao sr.Bispo para nos ajudar!

  6. Maria Regina

    Muito forte bispo!

    • Ricardo Costa

      Só tem um pequeno detalhe, senhor é só existe um que é o Senhor Jesus.

  7. Maria Teresa sobrinho

    AMÉM ???? TODA HONRAR E GLÓRIA PERTENCE AO NOSSO SENHOR..

  8. Bom dia Bispo, ... É muito forte essa direção, as vezes sem perceber deixamos de nos fazer filhos para servir como escravos. Isso ocorre no mínimos detalhes, o que mais cedo ou mais tarde leva a pessoa a cair pela falta de zelo com as coisas de DEUS. Tenho orado e pedido á DEUS que Ele me use e, mostre o que Ele espera de min. Pois, sei que somente assim O agradarei. E, serei abençoado!!! Esse Jejum tem me fortalecido diariamente, leio seu blog e o do Bispo Macedo todos os dias; assisto o programa obreiros em foco e a palavra do Bispo Macedo ás 23:00 horas. Tenho me sentido tão próximo de DEUS, que, onde estou é como se eu estivesse orando... Pois estou sempre em Espírito, crendo, que a todo momento sou fortalecido por Ele. Com toda sinceridade posso dizer... O Jejum de Daniel não está sendo um peso para min como foi em outras oportunidades (as quais eu fazia de qualquer forma, só para dizer que estava fazendo o propósito). Hoje faço com amor, prazer e dedicação; pois sei que estou agradando o meu SENHOR. Obrigado por todos os dias postar em seu blog mensagens espiradas pelo Espírito Santo. Forte abraço, DEUS abençoe grandemente o senhor e sua família.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.