Mensagens

Posso fazer a Obra no Altar?

27 de Novembro 2019

Posso fazer a Obra no Altar?

Você já ouviu falar de Kibera, não é?

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), é a maior favela do mundo, onde vivem 2,5 milhões de pessoas. Para se ter uma ideia, ela é quase dez vezes maior que a Rocinha, a maior do Brasil.

Kibera fica localizada na capital do Quênia – que está em 142º lugar no ranking de países pelo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), de 2018. De acordo com o Banco Mundial, 56% dos quenianos vivem na extrema pobreza, com menos de US$ 1,9 por dia, ou cerca de R$ 7.
Essas são as primeiras informações necessárias para você que deseja conhecer um pouco desse lugar.
E a primeira pergunta é: você consegue dimensionar a vida de lutas e sacrifícios em que este povo está inserido?

Apesar das batalhas diárias, os principais problemas a se combater são:
A ignorância, a pobreza e as doenças.

Agora que você ponderou um pouco. Vamos dialogar:

Você diz ter Unção, Disposição e Paixão pelas almas para ir viver no Quênia, mais precisamente nesta favela de almas sofridas, sedentas e famintas pela Verdade que Liberta, Transforma e Salva, correto?

— Então, agora vamos ver se você tem as condições básicas para ser um Missionário no Quênia.

Para que você não se prontifique na emoção e possa ser reprovado – e para que o Evangelho não seja envergonhado -, responda estas 7 perguntas com sinceridade e humildade, antes de se apresentar como disposto para esta Missão:

1º) Você já levou alguém à Libertação, a assumir a fé no Senhor JESUS como o seu Único e suficiente Salvador, sendo Batizado nas águas e no Espírito Santo?

— Agora, pense comigo: Se você, no seu idioma e terra natal, não conseguiu levar ninguém à Libertação e ao Batismo com o Espírito Santo, como o fará em um outro país, idioma, e cultura diferentes?

2º) Você sabe manejar bem a Palavra da Verdade? Concluiu a leitura das Escrituras Sagradas — a Bíblia?

— Agora, pense comigo: Como Deus vai lhe usar, se você não conhece Sua Palavra, não está familiarizado com o Seu Instrumento de Salvação?

Você já leu os Livros do Bispo Macedo, como:

– Nos Passos de Jesus;

– O Ouro e o Altar;

– O Discípulo do Espírito Santo;

– Como Vencer Suas Guerras Pela Fé?

3º) Você tem algum tipo de enfermidade ou alguma limitação?

— A Igreja nunca colocará em risco o seu bem-estar espiritual e físico. Ainda que você tenha disposição e um desejo sincero de ganhar almas, você é prioridade, pois, como Templo do Espírito Santo você deve estar bem fisicamente.

— Agora, pense comigo: Como você poderá dar o melhor de si com limitações físicas e ainda correr riscos com problemas de saúde em um país com um dos piores serviços públicos de saúde do mundo?

4º) Qual é o seu nível de convívio com os demais que fazem parte da Obra de Deus?

a) Excelente?

b) Bom?

c) Mais ou menos?

d) Péssimo?

— Agora, pense comigo: Se no convívio de algumas horas na Igreja, em um evento ou tarefa de Grupo, entre irmãos na mesma fé, Espírito e objetivo de ganhar almas, você não tem bom ou excelente convívio, como, então, você poderá ser enviado para um país onde a Igreja enfrenta muitas limitações, e terá que viver junto com várias pessoas?

A exemplo do início da Universal na África do Sul, onde vivemos em 5 casais, e 2 crianças – em uma casa com apenas 1 banheiro.

* Você poderá ter dificuldades e problemas de convivência, porque você não irá morar só e enfrentará condições muito simples.

5º) Você é disciplinado, tem dificuldade em acatar ordens e responsabilidades?

— Então, não se iluda, a Obra de Deus no Altar pode não ser para você. Porque a Obra de Deus em Si é disciplina, do início até ao nosso último suspiro.

— Agora, pense comigo: Como é que você que não se disciplina e não respeita a hierarquia, poderá realizar a Obra de Deus no Altar?

* Se você é Obreiro ou Obreira, não deveria, porque não está cumprindo com requisitos básicos da Obra de Deus.

6º) Você tem dívidas?

— Então, avalie se você não superou as suas dificuldades locais ou talvez não saiba administrar o pouco ou muito que Deus lhe confiou.

— Agora, pense comigo: Você conseguirá viver em um local onde o índice de miséria é um dos piores do mundo, uma vez que você não tem conseguido se manter com suas limitações financeiras, no seu próprio país?

7º) Você tem prazer em servir aos anônimos, desconhecidos?

— Porque se você percebe que só há motivação em “realizar a Obra de Deus” diante dos responsáveis ou de pessoas que têm algum tipo de autonomia ou autoridade, quero que saiba que você corre um grande risco e probabilidade de ser removido da Obra, por Deus, pois, dessa forma, você não está servindo a Ele e sim aos homens.

— Agora, pense comigo: Se você não tem prazer em servir ao anônimo, é porque você não é Batizado com o Espírito Santo, pois o Senhor JESUS veio para Libertar, Abençoar e Salvar o pobre, o perdido, o anônimo.

* Sejamos sinceros: você tem tentado fazer obras quando, na verdade, a Obra de Deus é realizada por quem é a própria Obra.

* Pense nisso!

Não fique irritado comigo ou achando que estamos exigindo muito. Não é o caso. Estamos lhe informando dos fatos, para que possa tirar as suas próprias conclusões e evitar que seja uma pedra de tropeço para um dos pequeninos.

“O que atenta para o ensino acha o bem, e o que confia no Senhor, esse é feliz” (Provérbios 16.20)


One comment
  1. Catarina

    A obra de Deus é para salvar. Deus escolhe o seu escolhido para salvar. Se alguém se coloca dentro da obra de Deus por não ser escolhido e vangloria própria/aparecer/ser modelo de si próprio. Está sendo um entrave aos pequeninos. Melhor for colocar uma roda de moinho ao pescoço e se matar. Lucas 17.2:Melhor lhe fora que lhe pusessem ao pescoço uma mó de atafona, e fosse lançado ao mar, do que fazer tropeçar um destes pequenos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.